Textos

LOBOS EM PELE DE PASTORES
Aplicando uma fábula dos pastores à humanidade podemos ver que, os pastores tomam conta das ovelhas, usando os cães para as protegerem dos lobos. Estamos considerando a Natureza de uma forma ampla, onde temos o homem racional, como pastor e temos os cães e ovelhas como animais instintivos, sem qualquer ética racional. Os lobos procuram as ovelhas para se alimentar de sua carne; os pastores cuidam das ovelhas que se alimentam pacificamente da grama, para também usarem sua carne e lã. As ovelhas, portanto, são a matéria prima da alimentação, tanto de pastores quanto de lobos. Os cães também se aproveitam dessa alimentação ao lado dos homens, por eles domesticados. Essa associação, então, pastor-cão, favorece o uso das ovelhas por eles, em detrimento das necessidades de sobrevivência dos lobos.
Muito bem, como podemos então aplicar essa organização à humanidade?
Em primeiro lugar, todos os homens e mulheres são considerados ovelhas. Delas vão surgir às categorias de pastor, cão e lobo. Os pastores são os detentores de cargos públicos, que gerenciam o poder através das leis. São eles que classificam dentre as ovelhas quem serão os cães de guarda para proteger o rebanho, os diversos agentes de segurança, principalmente os policiais, civis ou militares, que fazem o trabalho de ronda. As ovelhas somos todos nós que trabalhamos diuturnamente para garantir o funcionamento da sociedade, inclusive a gorda mordomia (gordura) que os pastores recebem. Os lobos são aqueles que extrapolam os limites da lei e desviam pela força os recursos produzidos pelas ovelhas. São os marginais bem identificados pela mídia, que enchem as celas das delegacias, dos presídios.
Mas, prestemos muita atenção! Tem outros lobos mais sofisticados que se disfarçam de pastores. São aqueles colocados em posição de mando, que produzem leis, que aplicam as leis, que fazem todo um artifício legal para desviar o produto das ovelhas de forma maciça para seus estômagos e cofres. Esses lobos quando extrapolam na sua ganância de adquirir maciçamente por corrupção ou outros artifícios a gordura das ovelhas, podem ser pegos pelas justiça e identificados como lobos de colarinho branco.
Tudo isso nos deixa revoltados e ficamos satisfeitos quando esses lobos são colocados atrás das grades. Porém, o que mais nos causa lesão, são aqueles lobos encastelados em posição de mando e dentro da legalidade que eles constroem, desviam enormes quantias de gordura para seus bolsos, enquanto a massa das ovelhas é espoliada sem que os cães possam os alcançar... é um tipo de vampirismo provocado pelo lobos em pele de pastores, que sentimos os seus efeitos em nossa jugular, mas não conseguimos nos livrar da sangria...    
Sióstio de Lapa
Enviado por Sióstio de Lapa em 05/01/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (voce deve citar a autoria de Siostio de lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr