Textos

ORAÇÃO MAIO 2018
Pai, o tempo passa e vejo que muita coisa que eu desejaria fazer não vai ser possível. O que me consola é que sei que terei as diversas chances ao longo do tempo para fazer o que é preciso, com o processo das reencarnações contínuas.
Procuro avaliar o que fez com que eu atrasasse o meu processo evolutivo, Pai, na presente encarnação. Um fator, Pai, é porque só vim descobrir a lógica de como tudo isso acontece já com bastante idade, não tive pais biológicos ou escolas que me dessem essa orientação. Quando tive o contato, passei ainda muito tempo na dúvida, se o mundo espiritual e até mesmo Tu, ó Pai, existia.
Somente hoje, adquirida a firme convicção da Tua existência, é que me considero cidadão com dupla cidadania, vivendo temporariamente no mundo material e que logo estarei de volta à minha pátria real, o mundo espiritual.
Sei também, Pai, um tanto de Tuas leis, da sementeira, que tudo que eu escolher plantar obrigatoriamente irei colher, por isso tenho que observar com cuidado a Lei do Amor, que é a Tua essência, seguindo a bússola do Cristo, de “fazer ao próximo o que desejaria que fosse feito comigo”. E fazer comigo, Pai, aquilo que gostarias que eu fizesse como instrumento da Tua vontade.
Agora sei que logo mais estarei de volta ao mundo espiritual, que irei prestar contas de minhas ações, que Tu estarás presente em tudo ao meu redor, dentro de mim e principalmente dentro da minha consciência, expresso na Tua lei.
É a Tua lei dentro da minha consciência que me inibe às vezes de falar contigo, Pai. Como falar com alguém que está dentro de mim, que sonda os meus mais íntimos pensamentos, que é testemunha do quanto faço de errado e do pouco que faço como certo?
Como posso Te pedir algo, se sei que é dever meu alcançar o que eu preciso com os meus próprios esforços, mesmo que seja algo tão difícil como controlar os sete pecados capitais, principalmente a preguiça, medo, gula...
Talvez o que eu precise mesmo pedir para Tu Pai, seja um pouco de Sabedoria, pois esta parece a mais difícil de ser conquistada, e talvez eu não esteja nem no caminho certo para a alcançar...
Portanto, Pai, este é o meu único pedido neste mês, colocado de forma tão atabalhoada, mas humilde, reconhecendo que se tal situação acontece comigo, é porque não tenho ainda a necessária Sabedoria para focar nos meus principais objetivos e despertar a sementeira de virtudes que plantastes dentro de mim na luz de Tua fagulha.
Sióstio de Lapa
Enviado por Sióstio de Lapa em 01/05/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Voce deve citar a autoria de Sióstio de Lapa http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr