Meu Diário
11/09/2019 00h08
FORMA E CONTEÚDO

            Uma entrevista dada pelo ministro da economia Paulo Guedes sobre o presidente Jair Bolsonaro é bem elucidativo sobre o atual contexto que estamos vivendo. Irei reproduzir um trecho para fazermos a reflexão pertinente:

            Minha grande sugestão é que foque no conteúdo e não na forma, porque ao focar na forma perderam o contato com a opinião pública na campanha presidencial. O que aconteceu? Focaram muito no que alegaram ser os maus-modos do presidente... os maus-modos. Ora! O presidente não gosta disso, ele xinga isso, faz isso, faz aquilo... focaram na forma em vez do conteúdo. O conteúdo é o seguinte: é um homem de grandes valores e grandes e grandes princípios. Integridade, patriotismo, persistência, vontade de fazer um país melhor. Esse era o conteúdo e focaram na forma. Ah, ele fala palavrões, nomes feios, xinga... Ora! A população entendeu o contrário e as mídias sociais entenderam o contrário. Estava cheio de gente de boas maneiras... corruptos! A população pensou, olha, nós preferimos, nós não queremos boas maneiras não, nós queremos bons princípios. E esse foi o segredo, entre aspas, da vitória do presidente. A vitória do conteúdo sobre a forma. Os princípios, os valores, a vontade de acertar, construir um país melhor, isso é muito mais importante do que falar ou não palavrões.

            Perfeita a avaliação. Foi justamente esta a procura que eu fazia, uma pessoa com esses princípios que se candidatasse à presidência da república. Pensava até que não existisse nos meios políticos e foi com grande satisfação que fui apresentado ao deputado Jair Bolsonaro.

            Ora, o seu jeito de falar, de criticar, e até agredir os adversários, em nenhum momento me enojou, pelo contrário, fiquei orgulhoso, pois vi alguém fazendo o que eu poderia fazer se estivesse em seu lugar e tivesse a coragem de dizer a verdade com todas as letras, que afrontasse quem quer que fosse.

            Defendi a sua candidatura, fiquei preocupado com a sua saúde após o covarde atentado contra sua vida e fui um dos milhões de brasileiros que fizeram sua campanha enquanto ele estava num leito de hospital ou se recuperando em sua casa. Fiz parte do milagre brasileiro de ter elegido um presidente que não precisou de nenhum recurso material, que não se aliou a nenhuma banda podre para continuar na exploração do nosso país.

            E hoje, vendo ele na presidência, mantendo toda o seu conteúdo, nada me orgulha mais, e a mera forma é só um detalhe, as vezes me faz rir, de como ele trata com tanta clareza de verdade tentativas mal-intencionadas de lhe deixar envergonhado ou humilhado.

            Continuo temendo por sua saúde, por sua vida, pois seu perfil de humildade, de confiança, não deixa ele perceber os lobos disfarçados de cordeiros que constantemente estão ao seu redor.


Publicado por Sióstio de Lapa em 11/09/2019 às 00h08
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Voce deve sitar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr