Meu Diário
23/11/2019 00h21
BAIRROS DE NATAL

            Encontrei um texto na net que relaciona os bairros de Natal com alguns países. Interessante, uma visão irônica de nossa comunidade. Vale a pena ler.

E se os bairros de Natal fossem países?

https://www.blogdodina.com/2019/02/05/e-se-os-bairros-de-natal-fossem-paises/.

Aí vai:

Areia Preta => Bélgica

É cercada por vizinhos ricos e poderosos, mas ninguém dá muita importância.

Petrópolis => França

Berço de quem influencia a cidade em economia, política e comportamento. Vangloria-se de sua tradição e não esconde o seu ar de superioridade.

Tirol => Alemanha

Poderosa locomotiva com centros empresariais. À noite o trecho da Afonso Pena que lhe corresponde em tudo lembra a famosa Avenida Unter den Linden, em Berlim.

Ponta Negra => Itália

Caótica, movimentada, barulhenta mas todo mundo continua querendo conhecer.

Via Costeira => Turquia

É apenas um caminho de um lado para o outro do mundo. Ninguém consegue entender nada por causa de tanta indefinição.

Lagoa Seca, Barro Vermelho  => Polônia e República Tcheca 

Gravitam e tentam se beneficiar da fama e benefícios do país vizinho, a Alemanha.

Cidade Alta => Espanha e Holanda

Não cabe um só país para essa querida, tradicional e com traços de modernidade. Lugar favorito de toda sorte de gente que quer fumar um baseado sem ser incomodado na rua ou consumir prostituição numa boa. Eterno clima de festa sempre que os portões das lojas da Rio Branco começam a descer.

Capim Macio => Estados Unidos

Dinheiro e poder. Idolatrado pelos novos ricos. Cafona, sem identidade. Depois que você sai da Avenida Roberto Freire, tudo fica longe e carro é fundamental.

Conjunto Ponta Negra => Canadá

É rico, porém ninguém se importa. Vive na órbita do vizinho gigante e mais famoso.

Conjunto Alagamar => Irlanda

Pensa que está na orla e reproduziu ambientes de bares e restaurante da Itália (Ponta Negra). Assim como a Irlanda que acha que faz parte do Reino Unido e quer se comparar à Inglaterra.

Morro Branco => Rússia

Não possui mais a mesma a nobreza de outrora, mas ainda se acha uma potência. Transição entre zona pobre e zona rica.

Lagoa Nova => Brasil

Querido por todos e estratificada, mistura gente mais humilde, classe média e alta. Quer ser tudo e ao mesmo tempo não é nada. Ostenta a alegria de ser o coração da cidade.

Cidade Satélite => Argentina

Gostaria de ser o Brasil. Mas não é.

Alecrim => Índia

Caótico, superlotado, vaca na rua, mas dono de um valor cultural inestimável para a cidade.

Centro Histórico => México

Envolve a Ribeira inteira, parte de Cidade Alta e de Petrópolis. Importante centro regional, com tradição secular e um caos onde todos querem tirar alguma vantagem.

Rocas => Iraque

Já foi berço de príncipes e princesas. Aristocracia de Natal nascia nas Rocas. Hoje é uma Bagdá depois que foi abandonada pelo poder público.

Potengi => África do Sul

Orgulhosa de ser a “nobre” no meio de sua sofrida região.

Neópolis => China

Distante, gigante e super populosa, sonha em ser rica como os EUA (Capim Macio), mas ainda tem um pé no terceiro mundo.

Pitimbu=> Chile

Riqueza emergente, mas é difícil achar alguém que queira morar lá.

Candelária => As duas Coreias

Riqueza e perigo se misturam nas ruas de Candelária. Só vá lá se for realmente necessário.

Mãe Luíza => Pápua Nova Guiné

Gente acolhedora, cadeira na calçada, um quê de natividade. O bairro produz as tribos de índio mais badaladas do Carnaval de Natal e tem um acesso a paradisíaco trecho da praia da Via Costeira para chamar só de seu.

Praia do Meio => Tailândia

Caos e beleza, escambo e camaradagem. Espetinhos de carne do dia anterior a cada 100 metros. Trans desfilam de biquini.

Redinha => Angola

Povo ma-ra-vi-lho-so. Assim como na Angola, os nativos da Redinha estão sempre prontos. Se escutam um acorde musical, já irrompem com a coreografia, como pode ser verificado todo domingo à tarde na Barraca do Japonês.

Igapó => Colômbia

É o primeiro bairro que vem à mente quando as palavras ‘Zona Norte’ são pronunciadas. Tal como a Colômbia é o derradeiro território antes da América Central, Igapó nos separa de São Gonçalo do Amarante. Ambiciona ser a África do Sul, a rica da região, mas jamais conseguirá porque o Partage Norte Shopping está no Potengi.

Serve como caricatura. Faz a gente rir com aquilo que não podemos modificar.


Publicado por Sióstio de Lapa em 23/11/2019 às 00h21
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (BAIRROS DE NATAL). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
22/11/2019 00h21
SALVAÇÃO

            Procurando entender a salvação da maneira que é ensinada na Bíblia, vamos verificar dois momentos em que aconteceu. Primeiro foi com Noé. O mundo estava mergulhado no pecado e Deus, sem conseguir intervir no Livre Arbítrio humano, pois essa foi a sua decisão ao criar o homem, teve que destruir tudo e procurar começar novamente a partir de Noé e sua família.

            Orientou a construção de uma arca onde pudessem ser colocados a salvo um casal de cada espécie e fez chover durante 40 dias. Todas as pessoas foram pegas de surpresa fazendo as diversas atividades que as cidades exigem. Todos aqueles que ironizavam Noé por construir uma arca tão grande em região tão longe do mar, de repente viram sua utilidade, mas já era tarde. Toda a vida terrestre foi eliminada.  

            A segunda eliminação de seres humanos aconteceu no episódio das cidades de Sodoma e Gomorra. Nesse caso ainda houve uma tentativa de Ló salvar a todos, procurando entre os pecadores alguém que fosse justo. Como não encontrou o mínimo combinado com Deus, teve que sair da cidade sem nem ao menos olhar para trás.

            Agora iremos passar por outro momento de destruição. Desta vez foi Jesus que veio há dois mil anos nos ensinar a forma de salvação dessa destruição. Nos ensinou sobre o amor e a criação do Reino de Deus a partir da renovação dos nossos corações, para que quando chegasse estivéssemos salvos. Ele disse que iria enviar o seu substituto, e tudo aponta que Ele já chegou no meio de nós, através dos fenômenos espirituais que ocorreram em todos o mundo, com fácil acesso a todos, e que foi codificado por Alan Kardec. O Espírito da Verdade que foi o condutor dessas lições, tem todo o suporte moral que apresentava o Mestre Jesus.

            Entendo, dessa forma, que o processo de salvação já está em andamento, diferente daquele que aconteceu nos dois casos anteriores. Agora não é necessário que o mundo seja destruído. Os salvos serão colocados no momento da morte em situação de privilégio, capazes de voltar ao planeta Terra, evoluído ao nível de planeta de regeneração. Os que não estejam salvos, por não quererem cumprir as lições do Mestre, apesar dos 20 séculos de ensino, serão transferidos para planeta de nível inferior onde podem continuar a sua aprendizagem no nível que eles se encontram sintonizados.

            A qualquer momento seremos chamados, podemos estar fazendo qualquer coisa, não importa, seja as atividades mais íntimas ou profissionais dentro das necessidades de uma comunidade. Da mesma forma que aconteceu antes, os corpos serão destruídos. Naqueles dois casos, os corpos destruídos foram apenas dos pecadores que não tinha direito à salvação. Em nosso caso atual, os corpos de salvos ou não serão destruídos. A diferença é que o espírito eterno é que vai ser colocado em seus respectivos níveis, de continuar a aprendizagem na casa correspondente nível evolutivo. O sofrimento será maior nos planetas menos evoluídos, onde seus habitantes se comportam de forma a gerar o mal constantemente entre si. Nos planetas mais evoluídos, como os planetas de regeneração condição na qual a Terra irá ingressar, o amor passa a ser prioridade, mesmo que ainda existam muitas lições para se alcançar a perfeição.


Publicado por Sióstio de Lapa em 22/11/2019 às 00h21
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
21/11/2019 00h21
RECLASSIFICAÇÃO DE FAIXA ETÁRIA

A Organização Mundial de Saúde (OMS), não possui um catálogo onde conste a classificação de todas as idades. Porém, estudos apontam que hoje, a OMS considera o seguinte:

01 – Criança: 0 a 10 anos;

02 – Adolescente: 10 a 19 anos;

03 – Jovem: 15 a 24 anos;

04 – Adulto jovem: 25 a 44 anos;

05 – Adulto: 45 a 59 anos;

06 – Idoso: 60 a 90 anos; e

07 – Muito idoso: acima de 90 anos.

Nesta classificação estou na penúltima faixa. Surgiu o boato que a OMS fez nova classificação da seguinte forma:

01)  Menor de idade:  0 a 17 anos;

02)  Jovens:  18 a 65 anos;

03)  Meia Idade:  66 a 79 anos;

04)  Idosos:  80 a 99 anos;

05)  Idosos de Longa Vida:  maiores de 100 anos.

Dessa forma fui reclassificado, como a maioria. Tenho 67 anos e estava na classe dos idosos desde os 60 anos. Com a nova classificação fiquei num nível intermediário, com duas classificações acima e duas abaixo.

Esse boato aponta para uma necessidade, para a formulação de políticas públicas. Com o avanço da ciência, a medicina pode constatar o envelhecimento da população e termina impactando nos benefícios hoje concedidos aos idosos. Um benefício que adquiri há 7 anos, com uma nova classificação desse tipo eu só iria obter o benefício com mais 13 anos de vida. Parece mais razoável.

            Também haveria repercussão em outro estudo, a classificação de nossos antepassados, sendo mais fácil convivermos com os trisavós e talvez tetravós, de acordo com o seguinte escalonamento, colocando o número de parentes convivendo conosco: Pais: 2; Avós: 4; Bisavós: 8; Trisavós: 16; e Tetravós: 32.. Se todos lograssem estar vivos, teríamos 62 parentes convivendo conosco.

            Supondo que a ciência continue no seu avanço e conquiste mais tempo de vida para nós, o seguinte calculo poderia se fazer: Pentavós: 64; Hexavós: 128; Heptavós: 256; Octavós: 512; Eneavós: 1024; e Decavós: 2048.

Nesse total de 11 gerações, podemos quantificar 4.094 ancestrais para que você pudéssemos estar aqui hoje. Cerca de 300 anos a pessoa teria que viver! Quantas lutas, quantas guerras, quanta fome, quantas dificuldades todos estes antepassados tiveram que viver?

Por outro lado, quanta força, quanto amor, quantas alegrias e estímulos, quanto instinto de sobrevivência cada um deles teve dentro de si para chegarmos a este ponto. Isso mostra com mais clareza que deveremos reverenciar nossos antepassados!


Publicado por Sióstio de Lapa em 21/11/2019 às 00h21
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
20/11/2019 00h16
EU PROTESTO

            Este é mais um texto pinçado das redes sociais, onde o médium Divaldo Franco faz um protesto relacionado à agressão moral sofrida pelo Cristo em pleno carnaval e comenta um tipo de comportamento que tenta se disseminar como um produto politicamente correto, que deve afrontar a cultura e os valores morais conquistados com as lições do próprio Cristo, a figura humana tão divina e ao mesmo tempo tão vilipendiada. Vejamos e reflitamos...

            Em um artigo publicado no jornal A Tarde, coluna Opinião, de 7 de março de 2019, Divaldo Franco, professor, médium e conferencista, se expressa da seguinte forma:

Lamentavelmente, a liberdade é uma conquista que nem todos os seres humanos compreendem. Alguns setores da sociedade confundem-na com a libertinagem, a permissão que lhes faculta o direito ao desrespeito a tudo quanto lhes perturba ou lhes impõe disciplina moral. Cada dia acompanhamos a perversão dos costumes e os atentados de várias ordens, utilizados insensatamente por esses libertinos escudados no direito que negam aos outros.

Não há muito, em nome da cultura, vimos exibir-se despido um homem no Museu de Arte Moderna de São Paulo, que se dispôs permitir-se apalpar por crianças em nome da liberdade. Outras exposições perversas foram apresentadas em Porto Alegre e em Belo Horizonte, em nome da arte, em espetáculos chulos e de baixo padrão moral, numa apresentação psicopatológica, exaltada pelos mesmos representantes do chamado progresso cultural. Há poucos dias, em São Paulo, no desfile do Carnaval, a Escola de Samba Gaviões da Fiel exibiu um quadro horripilante, ironizando Jesus, que era apresentado semidespido, surrado por Satanás, que o martirizava com um tridente, matando-O, enquanto caveiras sambavam em Sua volta. O espetáculo vulgar e agressivo mereceu a revolta de muitos foliões e pessoas outras que não puderam compreender a razão pela qual esse extraordinário vulto, considerado o maior da humanidade, cujo berço dividiu a História, naquela situação profundamente vexatória e agressiva não somente à Sua memória, assim como a todos aqueles que O respeitamos e cultuamos em nosso comportamento.

Com que direito esses sambistas arbitrários se permitiram denegrir a figura do Homem de Nazaré, respeitado mesmo por aqueles que não Lhe seguem as diretrizes filosóficas e religiosas? Esse comportamento viola todos os valores morais que a liberdade concede, naturalmente exigindo consideração ao direito dos outros. Sou espírita-cristão que aprendi com Ele a respeitar todas criaturas, credos e ateísmo, impositivos sociais e morais, não me podendo calar ante a afronta vil e zombeteira dos carnavalescos embriagados pelas paixões subalternas… Não é a primeira vez que a crueldade ateísta de alguns indivíduos tenta macular a figura incorruptível de Jesus. Incomodados com a grandeza e excelência dos Seus ensinamentos, que eles não têm valor moral para vivenciar, dominados por conflitos sexuais e de outra ordem, buscam desacreditar o incomparável pensador e Mestre, que vem iluminando a consciência da sociedade desde há dois mil anos.

Tem-se insistido em informar que Jesus era gay, em tentativa de diminuir-lhe a dignidade, e advogam, ao mesmo tempo, que os gays merecem todo respeito e consideração. Claro que os gays são credores de nosso respeito, pois que são pessoas normais e dignas, mas aqueles que assim procedem visam diminuir-Lhe o conceito de honradez, o que não deixa de ser um paradoxo. Espero que outros cristãos decididos apresentem a sua recusa e protesto a esses adversários da dignidade humana, demonstrando-lhes que as suas demências não servirão de modelo moral à sociedade em construção neste momento quando iniciamos uma Era Nova de justiça e amor. Jesus não é apenas um símbolo do Mundo melhor, mas o exemplo que é guia para a conquista da plenitude.

            Concordo plenamente com o protesto do médium, mas, também como seguidor do Mestre Jesus, o misericordioso, que do alto da cruz perdoou os seus agressores físicos e morais, justamente por eles serem ignorantes, também perdoo os ignorantes que são levados a tal atos e comportamento pensando fazer coisa boa. Mas, para quem sabe que é errado e quer conquistar poder ou influência sobre a inocência dos mais vulneráveis, deixo à justiça do Arcanjo Miguel.


Publicado por Sióstio de Lapa em 20/11/2019 às 00h16
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
19/11/2019 00h16
MENSAGEM URGENTE DE DIVALDO FRANCO

            Para fazer o contraponto com o texto que reproduzi no dia anterior, transcrevo também aqui um texto atribuído ao médium Divaldo Franco que serve para continuar nossas reflexões em como seguir as lições do Cristo, na construção do Reino de Deus, sem entrarmos em desvios incoerentes com a verdade e a justiça.

“O Brasil corre risco pois os espíritos de luz estão com dificuldades para nos ajudar”. Leia agora toda a mensagem

ATENÇÃO POVO BRASILEIRO:

Preocupados com a situação de desconsolo e tristeza que vive o povo brasileiro, os maiores do plano espiritual enviaram instruções para que todos os irmãos participem do movimento espírita cristão, no sentido de formar uma corrente composta por centros de luz em todo o nosso país, visando alterar o padrão mental e vibratório do povo desta nação, pátria do evangelho e coração do mundo.

Alertam-nos estes irmãos sobre a onda negativa que paira sobre a nossa pátria, propiciando a formação de clima deletério, similar ao ocorrido na segunda guerra mundial, onde a luta espiritual foi maior do que a ocorrida no plano físico e que levou a humanidade ao sofrimento supremo que todos nós conhecemos.

Nos dizem os orientadores do bem, que se prosseguir o clima ora instaurado entre as pessoas, com o sentimento de ódio, vingança, desesperança e pessimismo, há que se contar a possibilidade de ver iniciada uma guerra civil, levando as últimas consequências, as mazelas oriundas do fratricídio que ela impõe.

Porém, tendo em conta que somos filhos de Deus, pai infinitamente bom e justo, esta falange de amor nos indica o medicamento perfeito para revertermos as consequências da terrível doença que assola o coração do nosso povo: a prece verdadeira e direta em favor dos nossos desorientados governantes e a mudança imediata do nosso padrão mental trocando o pessimismo pelo otimismo, a tristeza pela alegria, o medo pela coragem e principalmente a desesperança pela certeza de que tudo que possa nos acontecer tem a permissão do Pai Maior.

Devido a grande concentração de energias negativas emanadas pelas pessoas insatisfeitas com a política e seus representantes, o Brasil precisa parar e orar!

“Estou preocupado com essa semana que está chegando. Peço uma corrente de oração para que os guardiões possam iluminar as mentes e os corações dos nossos governantes terrestres. A nação corre perigo. Divulgue. Peço que divulguem essa mensagem”. Divaldo Franco

Texto extraído do site

http://peloamordedeus.com/urgente-divaldo-franco-pediu-para-que-orassemos-bastante-pois-os-espiritos-de-luz-estao-tendo-dificuldades-para-atuar-entre-nos.

            Não posso confirmar a autoria do texto, mas posso dizer que corresponde ao pensamento do ilustre médium. É um pensamento mais coerente com os ensinamentos do Cristo, pois não entra na condenação de pessoas, mas sim aos erros que possam estar cometendo por não observarem as lições do Evangelho.

            É um pensamento que expressa melhor a vontade de Deus de cuidar de seus filhos, em quaisquer caminhos desviados que eles estejam, que sejam feitas as atitudes mais caridosas e eficientes, de orar por todos para que ocorra o reconhecimento dos erros que a guerra fratricida não chegue a ocorrer.


Publicado por Sióstio de Lapa em 19/11/2019 às 00h16
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Página 4 de 580 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr