Textos

COERÊNCIAS... PRA QUE?
            Um texto, pretensamente assinado por Getúlio Lima, Professor de Direito, merece ser reproduzido aqui para nossa reflexão.
            O repórter da Globo, Gérson Camaroti, analisando o pedido de Mourão, para substituir Bolsonaro nos debates, já antecipou que se o TSE autorizar, seria injusto, porquanto haveria dois pesos e duas medidas. Mais uma vez, o equívoco e parcialidade dessa emissora são notórios.
            Primeiro, porque Lula não pode comparecer aos debates por impedimento legal; segundo, por estar preso; terceiro, por ser inelegível; quarto, por ser ficha suja; quinto, que essas consequências decorrem das leis penal e eleitoral. Com relação a Bolsonaro, NÃO há qualquer impedimento legal e ele vai ao debate se quiser. O impedimento de Bolsonaro é de ordem médico-hospitalar, portanto, não há como comparar as situações, sob o aspecto de oferecer tratamento.
            Aliás, ao que tudo indica, a situação de Bolsonaro ainda tem um ingrediente a ser analisado, que é o fato de haver fortes suspeitas sobre o próprio PT de ter participado do atentado terrorista contra a vida do candidato do PSL e que tem a mais evidente antipatia da Globo.
            Portanto, impedir Mourão de substituir Bolsonaro, ainda seria mais uma compensação ao crime e aos terroristas de esquerda, o que, convenhamos, é inaceitável!
            É preciso que a Globo – e também a Band – sejam contidas em sua notória ação, prejudicial ao equilíbrio do certame eleitoral, que, certamente, influencia a vontade do eleitor e torna discrepante e, evidentemente, beneficiando candidatos de esquerda.
            Os deputados de direita, especialmente do PSL, os partidos e o Ministério Público não podem permitir que continue esse notório ABUSO DE DIREITO!
            Muito coerente o texto colocando em contraponto a incoerência da Rede Globo, interpretando que os seus funcionários dão as suas opiniões sintonizadas com o que defende a referida emissora. Infelizmente a maioria dos nossos cidadãos não foram devidamente formados para exercerem a real cidadania e terem a devida crítica em qualquer produto que lhes sejam oferecidos. São pessoas que, mesmo formadas acadêmica e até juridicamente, se deixam guiar pelos interesses subalternos de desviar da verdade em busca dos interesses pessoais.
            Essa é a nossa democracia!
 
Sióstio de Lapa
Enviado por Sióstio de Lapa em 28/09/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr