Meu Diário
15/03/2019 01h01
ESTRAGO NA EDUCAÇÃO

            Uma entrevista do Prof. Wilson Ferreira Cunha, publicada no Jornal Opção, traz uma imagem muito real do que acontece em nosso país. Essa entrevista foi lida e publicada algumas passagens por um internauta, que irei reproduzir o que ele postou a respeito.

Vale a pena ler esta entrevista com o Prof. Wilson Ferreira Cunha (PUC-GO). Ele viveu vários anos na antiga União Soviética. Viu de perto como funciona uma ditadura socialista. Porém, o que mais impressiona são seus comentários sobre o estrago gigantesco que o ensino brasileiro sofre por conta do aparelhamento ideológico das escolas e universidades. As consequências são devastadoras e serão sentidas por décadas. Uma geração inteira de jovens foi emburrecida, narcotizada e idiotizada a serviço de um projeto totalitário de poder.

Chamo atenção para as seguintes passagens da entrevista: "Institucionalizou-se um patrulhamento inimaginável na Educação brasileira, talvez pior do que o que vivi na ditadura socialista de Brejnev, que foi um dos últimos ditadores soviéticos. Há uma militância que se diz a favor dos pobres e oprimidos, dos não acolhidos, e isso reflete no ensino, tanto fundamental quanto médio e principalmente no terceiro grau. Há uma baixaria enorme na área educacional que a gente não pensaria ser possível numa democracia republicana" (...) "É preciso tirar isso, o que será muito difícil, porque é um sistema orgânico inserido na Educação brasileira, que vai levar uns 50 anos. Crianças que nasceram em 2002, atravessaram os 13 anos de petismo no poder, e aqueles que tinham 15 anos, quer dizer, a geração que tem menos de 35 anos não tem outra imagem do Brasil a não ser a dos governos petistas. Com isso, houve um prejuízo enorme na consciência, na formação do estudante, do cidadão brasileiro" (...) "Por exemplo, criou-se o pensamento de que trabalho em grupo é que movimenta o ensino no País. Ora, trabalho em grupo justifica a imagem de que na universidade tudo se copia e nada se cria e isso se institucionalizou. Na verdade, um aluno faz o trabalho e os outros integrantes do grupo assinam. Então, isso precisa ser extirpado do ensino brasileiro. Outro dano é a 'postura crítica', entre aspas, que se sobrepõe à absorção do conhecimento. A crítica é só para aquele que pensa o contrário, não é a crítica que constrói o conhecimento. Outro ponto é a frouxidão e a permissividade em vez da disciplina e da cobrança do aluno. Quer dizer, o aluno é um frequentador de aulas, sem nenhum compromisso, nenhuma responsabilidade. Veja que isso não existia nem na ditadura, época em que pelo menos os alunos procuravam adquirir conhecimento. Hoje, temos o analfabeto virtual dentro da universidade, que não sabe escrever nem falar direito. Outros absurdos (Wilson consulta um texto que trouxe): a prioridade das atividades chamadas sociais; os trabalhos fora do estudo persistente, que é ajudar a incluir. Essa lengalenga de ajudar a 'justiça social', entre aspas, se tornou quase um padrão de direcionamento da política educacional brasileira" (...) "Na educação, deve durar cinco décadas, porque são novas gerações que terão de vir para limpar isso. Esse entulho autoritário pseudomarxista-socialista-comunista tornou de esquerda a esmagadora maioria dos professores de História. Os livros e até as questões do Enade são tendenciosas" (...) "Isso é uma estratégia política de permanência no poder a qualquer custo. A corrupção do PT veio para manter esse tipo de orientação ideológica" (...) "Observo que os não petistas hoje são perseguidos. Há uma patrulha enorme sobre as pessoas que contestam esse sistema de interesse político esquerdista, e são poucos historiadores e antropólogos que discutem isso abertamente. Quando fazem isso são imediatamente destroçados, alijados do processo".

https://www.jornalopcao.com.br/entrevistas/brasil-levara-ao-menos-50-anos-para-se-livrar-da-massificacao-que-o-pt-criou-na-educacao-universitaria-75943/

            Sou testemunha das observações que aqui são relatadas. O que me surpreende, dentro da universidade, que pessoas tão cultas não façam uma reflexão independente de ideologias, e vejam as ações deletérias acobertadas por falsos benefícios cujo desmascaramento não atinge o nível da consciência.

            Interessante, como cérebros tão brilhantes não conseguem diagnosticar um estado de miséria que terminaria por alcançar o Brasil, quando faltassem os recursos e a maioria dos empresários, verdadeiros trabalhadores, já tivesse debandado do país. Quem pagaria a conta? Inflação, desemprego, como já estávamos observando?

            Enfim, a nação despertada pelo intenso grau de corrupção foi as ruas, provocou o impeachment da presidente petista, elegeu contra todas as perspectivas o candidato associado aos valores cristãos, e agora, esse sistema na inercia das iniquidades, procura aplicar o que prometeu, com toda a perversidade sobre suas costas, e até na intimidade de suas vísceras.

            Mas Deus está do lado da verdade, da justiça e da honestidade, e um dia limparemos a educação do aparelhamento ideológico e da sujeira das falsas narrativas.


Publicado por Sióstio de Lapa em 15/03/2019 às 01h01
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Voce deve sitar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
14/03/2019 01h01
UM PRESIDENTE DIFERENTE

            Podíamos prever que o presidente Bolsonaro iria ser diferente dos demais, a partir da sua campanha que foi totalmente diferente, como nunca se viu neste país ou talvez no mundo.

            Fomos nós eleitores que fomos às ruas defender a sua campanha, mesmo quando ele estava hospitalizado, após ser esfaqueado em via pública durante uma caminhada política.

            Ninguém cobrou nada dele, como ele não cobrou nada de ninguém, e os corruptos sabiam que não iriam ter oportunidade com um presidente como esse.

            Agora ele vem à público e coloca com bastante coerência a situação em que se encontra o país e as dificuldades que ele encontra para corrigir tamanho antro de corrupção, corrompidos e corruptores.  

Palavras de Bolsonaro.                    

As mazelas vão durar muitos anos, infelizmente. O Brasil foi aparelhado para o socialismo/comunista baseado em pilares sustentáveis, como seja:

1-doutrinação nas universidades;

2- distribuição de ajudas ao mais pobre, em vez de dar emprego/dignidade;

3- imprensa com verbas;

4- dinheiro da corrupção para eles e o Partido.

"Ganhamos, acabamos com o PT!"  Não...

Tire esse pensamento da cabeça agora!

O PT está caído, sim, mas está muito longe de deixar de ser uma ameaça.

 

Já se perguntou porque o pior candidato de um partido envolvido até o pescoço em corrupção, cujos principais líderes estão todos na cadeia, recebeu 44 milhões de votos?

A resposta é simples. Conquistamos a presidência, mas o PT e suas variáveis ainda dominam tudo que leva até lá.

A esquerda ainda detém enorme influência e poder. Jamais subestimem um grupo que ganhou 4 eleições, passou 13 anos com acesso a reservas quase infinitas de dinheiro e colocou seu pessoal em absolutamente TODAS as engrenagens da máquina estatal.

A esquerda ainda domina: meio acadêmico, meio artístico, meio cultural, movimentos sociais a grande parte do meio político.

A influência deles é tão grande, que me fizeram, praticamente o culpado da facada que levei.

Fizeram de uma matéria esdrúxula de jornal, sem provas, uma acusação que foi parar no TSE e ficou uma semana em destaque. Fizeram meus apoiadores se passarem por bárbaros descontrolados noticiando ataques claramente forjados.

Acham mesmo que eles perderam esse poder só por que não chegaram à Presidência?

Se não tivessem esse poder, teríamos ganho com 80% dos votos.

O povo sabia que não queria o PT, mas a destruição da minha imagem foi colocada em prática por todo o sistema.

Perdeu-se milhões de votos por conta de calúnias divulgadas pela esquerda com tamanha intensidade que faria Goebbels se sentir um estagiário na xerox do DCE.

Ganhei a eleição para Presidente, mas a máquina está toda podre e comprometida.

Não irá deixar-me governar e fazer as reformas que o País precisa, sem apoio de vocês.

Irão sabotar-me desde o primeiro dia.

Todas as mudanças na área econômica serão anunciadas pelo sistema como uma tentativa de prejudicar os pobres e retirar direitos do trabalhador.

Todas as mudanças na área social serão anunciadas como uma tentativa de assassinar LGBTs/Mulheres/Negros/Pobres/Nordestinos.

É assim que a esquerda joga.

Estou recebendo o Brasil no pior estado que um Presidente já recebeu, serei criticado pelos seus acertos e massacrado pelos seus erros. Tentarei não errar.

O primeiro ano será bem difícil.

É preciso tomar o poder de influência da esquerda e devolvê-lo ao povo.

O povo tem que se informar por fatos e não por narrativas cuidadosamente construídas por intelectuais em universidades.

Voltarei ao assunto sobre onde estão instalados os inimigos e como desentocá-los.

Não há como acabar com a divisão no País, se não acabarmos com quem está nos dividindo.

Comemoremos a vitória, foi gigantesca. Mas não percamos a noção da realidade. Estamos só no começo.

Jair Messias Bolsonaro

SEU DEVER DE CIDADÃO QUE AMA SEU PAÍS É REPASSAR O QUANTO PUDER, PARA QUE TODOS FIQUEMOS ATENTOS AOS FATOS!!! 💚💛

Recebo essas palavras sem nenhuma sensação de que estou sendo manipulado, que é o que eu sentia quando ouvia qualquer mensagem dos presidentes anteriores. É isto que eu esperava que o presidente que ajudei a eleger começasse a fazer. Percebo a verdade de suas palavras, do quanto está sendo perseguido por uma mídia totalmente tendenciosa, veículos da minha confiança, que vejo hoje tentando anular a minha inteligência, colocando textos distorcidos.

Nós, que estamos do lado da verdade, ao lado do nosso presidente, iremos resistir a tamanhas ousadia, e, meu próprio espírito se revolta e não quer mais assistir a canais que antes eu tanto elogiava.


Publicado por Sióstio de Lapa em 14/03/2019 às 01h01
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
13/03/2019 01h01
O SISTEMA E OS DERROTADOS

            No sistema democrático, é esperado que o candidato que vença nas urnas para presidente de um país, seja realmente o presidente de todos. Mas aqui no Brasil existe uma turma que acostumado com as tetas do governo, de forma lícita ou não, continuam a considerar o presidente eleito como uma alucinação e colocam um tal senhor na condição de presidente, uma forma de delírio enrolado como protesto.

            O sistema que a tão pouco tempo esses derrotados manipulavam para manter gordas propinas em seus bolsos, agora vai ser operacionado por outro gestor, sintonizado com o Evangelho do Cristo e disposto a corrigir tamanhas iniquidades.

            Há um texto da Sônia Kling que circula na net que mostra bem essa situação:

O SISTEMA!

Estou vendo muita gente que votou em Bolsonaro dizendo “ah, mas o Bolsonaro mudou de opinião”.

NÃO, BOLSONARO NÃO MUDOU DE OPINIÃO.

BOLSONARO ESTÁ SENDO ENGOLIDO PELO SISTEMA.

Você queria o que?

Ele lutou sozinho contra toda a imprensa, contra todas as instituições brasileiras, escolas, universidades, CNBB, OAB, com militante que tentou assassiná-lo (está vivo somente GRAÇAS A DEUS!) e ele ganhou!

Nós o jogamos na jaula dos leões e o deixamos lá.... e agora você vem e diz “ahhh, mas ele não está fazendo nada”.

Desde que assumiu, ele parou de mandar RIOS de dinheiro para toda a imprensa podre desse país, que sobrevive graças à verba pública; a GLOBO está se contorcendo sem dinheiro, é ÓBVIO QUE ELA QUER QUE ELE SAÍA.

Ela não se importa com o Brasil, com os pobres, com os negros, com os gays.... ela só quer a fatia que ela acha que pertence a ela, do SEU DINHEIRO.

ELA VAI FAZER DE TUDO PARA DERRUBAR O BOLSONARO.

Ele está cercado de leões por todos os lados.

São ministros do STF que ganham muito dinheiro com negociatas, que vão ter de acabar; são senadores e deputados acostumados com regalias, que não pensam nem na possibilidade de perder a boquinha.

Esses vão fazer de tudo para sabotar o governo.

É uma máquina pública inchada de funcionários públicos, que querem de volta a mamata anterior e todos contra ele.

Nem o “povo”, nós, que votamos para ajudá-lo, está todo do lado dele.

Você sabe o que é não poder confiar em ninguém?

Esta é a situação do BOLSONARO.

O Bolsonaro hoje só tem a nós, que votamos nele, que acreditamos no projeto de governo dele.

Você achou que era só votar nele e voltar para casa, por a bunda no sofá e assistir a GLOBO acabar com ele?

E ainda acreditar nela?

Você achou que ele era uma fada, com uma varinha mágica?

O BOLSONARO SERÁ ENGOLIDO PELO SISTEMA, QUE NÃO QUER QUE NADA MUDE.

E ELE SÓ TEM A NÓS.

NÃO PODEMOS JOGÁ-LO NA JAULA COM LEÕES E DEIXÁ-LO LÁ, SOZINHO.

NÃO É JUSTO.

NÃO É HUMANO.

AGORA, MAIS DO QUE NUNCA, ELE PRECISA DE NÓS....

“Ah, mas o que eu posso fazer?”

Eu respondo: vai atrás de informações reais. Pára de compartilhar bobagens e intriguinhas feita pela mídia podre.

SE VIRA, QUE VC NÃO É QUADRADO.

E você que não votou no Bolsonaro, ficar aí torcendo contra, não vai melhorar sua vida em nada, a não ser que você se alimente de VENENO.

Pense nisso!

Mais do que nunca #somostodosbolsonaro

Divulgue!!

            Esta é uma compreensão que nós, que votamos no Bolsonaro, por ser o único capaz de dar eco às nossas vozes e agir sem “rabo preso”, temos que desenvolver e não ser atingido e manipulado pelas narrativas distorcidas para tentar anular aquilo que conquistamos nas ruas.

Não deixemos que o sistema, que ainda está impregnado pelas mãos que tantas iniquidades fizeram em nosso país, tenha a audácia de tirar de nossas mãos um instrumento colocado a favor da verdade e da justiça.  


Publicado por Sióstio de Lapa em 13/03/2019 às 01h01
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
12/03/2019 01h01
BATALHA ESPIRITUAL NO CAMPO MATERIAL

            Sabemos que existe uma batalha espiritual que se desenvolve há muito tempo com reflexo no campo material.

            Sabemos que a evolução espiritual se dá em um só sentido, da ignorância para a sabedoria, da violência para a paz, da mentira para a verdade.

            Portanto, mesmo que soframos o assédio das forças do mal, da ignorância, da corrupção, da mentira, sabemos que no final daremos um salto de qualidade, e aqueles que estão no campo dos “cabritos” segundo a Bíblia, se não tiverem interesse em se recomporem com a verdade, serão deportado do planeta, já que a Terra, no seu processo evolutivo, não poderá comportar seres com a essência do mal.

            O movimento político no Brasil atual parece refletir bem essa questão. Como foi indicado pelo mundo espiritual para ser “O coração do mundo e a pátria do Evangelho”, nos livramos de um regime de corrupção que ameaçava a estabilidade e a harmonia do país. Mesmo o movimento corrupto perdendo as eleições para o candidato que defendia abertamente os princípios cristãos, muitos dos seus seguidores, cumplices ou inocentes úteis, mantem uma pressão distorcida da ética para desestabilizar a nova administração que chega com a disposição de corrigir as iniquidades

            Vejamos um dos textos que circula na mídia, sobre o assunto:

ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃO MESMO!

Estou repassando uma sugestão muito coerente.

Se você votou pela mudança e não quer o retorno aos riscos que nos impuseram, ou mesmo que retornar abaixo de zero, e tem interesse que o Brasil caminhe para frente, leia porque é muito importante.

"SOLUÇÃO RÁPIDA PARA O CASO DO FILHO DE BOLSONARO".

Calma gente!

Uma afirmação do célebre Churchill: "Se formos parar para jogar pedras em cada cachorro que latir para nós ao longo do caminho, não vamos chegar ao destino."

 

Duas coisas:

1 - O governo Bolsonaro vai ser acusado de tudo, seja verdade ou mentira, o tempo todo;

2 - Não podemos perder a paciência, pois é o que os "acusadores" querem. Querem exatamente o que está acontecendo, que todos nós os apoiadores da mudança "exijamos" uma resposta, virando apoiadores deles.

Então vamos combinar o seguinte:

É pouco tempo e muita sujeira para limpar.

A herança deixada pelos anos de desgovernos corruptos e de esquerda é uma montanha de lixo, crimes e roubos gigantesca.

Se formos parar tudo a cada denúncia da oposição, o governo não vai fazer nada a não ser se defender. E, se temos que limpar a casa, também temos que viver o nosso dia a dia e andar para a frente.

Não vamos esquecer o caso do filho do Bolsonaro, mas colocar onde merece - no fim da fila, por ordem de chegada e por valores envolvidos.

E vamos fazer a fila andar....

Antes, temos:

X. o enriquecimento do Lula,

o assassinato do Celso Daniel, -os assassinatos das testemunhas do caso Celso Daniel,

tem os fundos de pensão saqueados,

tem o enriquecimento dos filhos do Lula,

tem o enriquecimento da filha da Dilma,

tem a compra da refinaria velha,

tem a roubalheira na Petrobras,

tem o desvio de dinheiro do BNDES (bilhões),

tem os 12 processos do Renan que não andam,

tem a imensa e importante delação do Palocci para decupar,

tem as roubalheiras do Aécio,

tem as roubalheiras da Dilma, 

tem as roubalheiras do Lindeberg,

tem as da Gleise,

tem as propinas do Temer e sua trupe,

tem dezenas e dezenas de políticos envolvidos até o pescoço,

tem os saqueadores da Lei Rouanet,

tem a tentativa de assassinato do Bolsonaro e etc., etc., etc...

Fazer esta gritaria em torno do caso do filho do Bolsonaro obviamente só atende aos interesses dos opositores, que fizeram horrores.

Se formos parar tudo para responder a cada acusação, eles terão atingido ao seu objetivo: Desmoralizar e paralisar o Brasil.

✖✖✖PORTANTO NÃO REPERCUTAM AS ACUSAÇÕES E ARMADILHAS.

VAMOS COBRAR A APURAÇÃO DESSA LISTA ACIMA.

COMEÇANDO POR REPASSAR ESSA MSG PARA TODO O BRASIL E MUNDO.

            Uma avaliação bem conveniente das diversas que circulam nas redes sociais, mostrando que os eleitores de Bolsonaro querem as mudanças que ele já começa a fazer. Os crimes que por acaso surjam na sua administração, devem ser devidamente punidos, desde que essa ordem seja obedecida, para não criar bolsões de favorecimentos.


Publicado por Sióstio de Lapa em 12/03/2019 às 01h01
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve citar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
 
11/03/2019 01h01
 CULTURA DO BEM

            Sou interessado nessa tese de que Deus tem um plano especial para o Brasil no próximo contexto mundial. Na linha espírita tem a tese de que o Brasil será o “Coração do mundo e pátria do Evangelho”.           Alguns sinais fortes surgem no cenário, como a eleição para presidente do capitão Bolsonaro, contra todas as expectativas políticas, midiáticas e econômicas. Eleito com o lema “Brasil acima de tudo e Deus acima de todos”. Não é isso um forte indício da vontade de Deus, contra toda falsa narrativa que surge apoiada pela mentira antes durante e após as eleições?

            O capitão fez o papel dele, mesmo sendo esfaqueado em praça pública, uma tentativa de destruição física, além das diversas tentativas de destruição moral que os partidários da corrupção que infectou o Brasil continuam a plantar dentro e fora do país.

            Agora o protagonismo continuará sendo nosso, como foi nas eleições. Devemos continuar a crescer eticamente e a descobrir formas da Verdade surgir sem quaisquer tipo de encobrimento, com o mesmo vigor que as iniquidades são passadas aos cidadãos como se fossem coisas boas.

          Durante esse período de luta aguerrida para transformar a psicosfera da Terra, temos que descobrir as pessoas de bem e ter o privilégio de trabalhar com algumas delas, no âmbito profissional ou mesmo na militância da política divina, da construção do Reino dos Céus entre nós. As pessoas cristalizadas no mal, e que por algum motivo não queiram rever suas posições, já existe a informação espiritual de que serão deportadas para um planeta condizente com a sua sintonia psíquica, como aconteceu no passado com os perversos de Capela, que tiveram que vir forçosamente para a Terra.

          A liderança servidora será uma condição primordial para a formação dos novos gestores da Terra. Aqueles cidadãos que seguem os princípios cristãos, de que aquele que pretende ser o primeiro, que seja o servidor de todos, e não como até hoje acontece, quem quer ser o primeiro é por que deseja ser servido por todos.

          Tenho também novas percepções, recebo novas lições, de como as pessoas mudam, inclusive aprendendo os passos necessários para o desenvolvimento das habilidades de cristianismo e liderança. A cultura e a formação de equipes de alto desempenho, devem ser desenvolvidas em todos os aspectos da vida, acadêmica, jurídica, parlamentar, eclesiástica, etc.

          Nos próximos anos, teremos que adquirir uma visão mais clara de como formar uma cultura do bem, construir o trabalho de equipe e o “companheirismo comunitário”.  Esses são ítens importantes para as organizações. De fato, a cultura é um ingrediente fundamental para se formar uma excelente organização verdadeiramente cristã.

          Precisamos definir melhor esses termos. Quando se usa a palavra “organização”, se deve entender qualquer grupo de duas ou mais pessoas reunidas com uma finalidade. Do mesmo modo que Jesus falou: "Quando duas ou mais pessoas estiverem reunidas em meu nome, eu estarei presente". Isso implica numa reunião com o número mínimo de duas pessoas que tratam de administrar os negócios do bem.

           Assim, os princípios de construção de uma cultura de excelência aplicam-se ao casamento, à família, aos esportes, aos negócios, às forças armadas, à educação – praticamente a qualquer grupo que se possa imaginar.

          Ao discutir a “cultura do bem”, deve ser vista como à maneira como funciona a organização, incluindo suas crenças, seus valores, suas atitudes, seus comportamentos e, em última análise, seus traços e hábitos singulares. Em outras palavras, cultura é “nosso jeito de fazer as coisas”. Procuremos fazer do jeito cristão.

           Toda organização tem sua cultura característica. É como uma águia gigantesca, com potencial para elevar qualquer organização ao nível de excelência e a novas alturas. As asas da águia, da cultura do bem, que permite a organização voar alto são a liderança servidora e um forte senso de companheirismo e comprometimento comunitário.

          Existem muitos líderes bastante sólidos, mas que não conseguem criar coesão e comprometimento em suas equipes. Outros que são excelentes na formação de equipes e no estabelecimento de laços afetivos, porém incapazes de compreender a liderança servidora ou exercê-la com competência. Quando se consegue fazer as duas asas da águia funcionarem de forma harmônica, ela voa muito mais longe. E chega ao seu destino muito mais rápido.

          Esta será a engenharia social básica que irá transformar a psicosfera da Terra, de planeta de Provas e Expiações, em planeta de Regeneração. O potencial latente de excelência para o bem, encontra-se adormecido em mais de 90% das organizações, incluindo empresas, casamentos e famílias. Isso é triste, porque praticamente qualquer organização tem capacidade de criar uma cultura de excelência para o bem ao se comprometer com os princípios cristãos sem subterfúgios. A boa notícia é que dispomos da metodologia para a construção tanto de grandes líderes quanto de companheirismo e comprometimento, formando a cultura do bem.

          Na verdade, essa metodologia já existe há muito tempo! É surpreendente como são poucos os que tiram proveito desse enorme potencial que as lições do Cristo vieram trazer para nossa cultura e organizações. E o custo é irrisório. Basta ter vontade de crescer. Vontade de mudar. Vontade de melhorar. Determinação em fazer a Reforma Íntima.

           Construir líderes cristãos, construir a cultura do bem e formar uma comunidade é a chave para criar e sustentar uma grande organização e a base para o Reino de Deus. E os passos são simples, basta ter boa vontade e o compromisso de controlar nossos impulsos egoístas para não trazer prejuízo ao próximo.

          O filósofo e poeta Ralph Waldo Emerson dizia que, quando se assume um compromisso, o Universo conspira para fazê-lo acontecer. Rogo ao Pai para que tenhamos o compromisso de criar excelência para o bem em qualquer organização da qual façamos parte.

          Que Deus nos abençoe imensamente em nossa jornada.


Publicado por Sióstio de Lapa em 11/03/2019 às 01h01
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Você deve sitar a autoria de Sióstio de Lapa e o site http://www.siostiodelapa.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Página 9 de 534 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr